Rádio Táxi Vermelho e Branco

táxi acessível

Táxi acessível: como encontrar taxistas para idosos

Alguns tipos de passageiros, como é o caso dos idosos, precisam de um táxi acessível. Neste sentido, ter acessibilidade quer dizer estar preparado às necessidades que este público pode ter quando comparado aos demais.

Ou seja, um táxi acessível para idosos precisa cumprir algumas recomendações, até mesmo prescritas pelo Estatuto do Idoso. Você sabe quais são? Confira!

O que é o táxi acessível

De forma geral, entende-se que idosos podem, por exemplo, ter algumas dificuldades de locomoção. Em algumas ocasiões, inclusive, podem até mesmo estar fazendo uso de elementos como as cadeiras de rodas.

Para estes casos, os motoristas bem treinados devem estar preparados. Além disso, um táxi acessível também é um carro que oferece o suporte ideal a este público de passageiro.

Afinal de contas, dependendo das características e do cuidado do veículo, ele pode não ser benéfico ao idoso. Por exemplo, se falta locais onde ele se possa se segurar ou se apresenta alguma dificuldade para entrar no carro (veículo muito alto ou muito baixo, por exemplo).

Em resumo, portanto, um motorista que seja experiente e treinado para isso, quando tiver o veículo certo, poderá ajudar. Em suma, é justamente este tipo de serviço que o passageiro idoso deverá procurar ao solicitar um táxi.

O que diz o Estatuto do Idoso

táxi acessível

Agora que você já sabe o que é um táxi acessível, preparado para receber o passageiro idoso, podemos prosseguir. Por isso, quero introduzir brevemente o que diz o Estatuto do Idoso, criado pela Lei Nº 10.741, de 1º de outubro de 2003.

Então, neste documento, é prescrito basicamente tudo que diz respeito aos idosos. Constam nele, então, elementos como direitos fundamentais e os princípios que se relacionam a esta população.

Primeiramente, já com uma análise inicial do texto do Estatuto do Idoso, já se percebe algo equivocado que muitos motoristas despreparados acabam cometendo. Na verdade, não se pode negar corrida a alguém somente porque é idoso.

Porém, infelizmente alguns motoristas não se sentem preparados ou não têm um táxi acessível. Por isso, acabam rejeitando corridas quando se trata de idosos, e assim acabam, também, infringindo a lei.

Outro ponto importante que este documento salienta é com relação à reserva de vagas. Como já é de grande conhecimento, hoje em dia cerca de 5% da disponibilidade do estacionamento deve ser direcionada a este público.

Neste caso, há algumas variações que mudam de acordo com as determinações de cada estado federativo – por exemplo, qual documento apresentar para comprovar que você é realmente idoso.

No entanto, vale a pena frisar que estas vagas são dos idosos, e não dos taxistas. Sendo assim, eles só poderão parar nelas para servir ao passageiro, e não podem fazer uso rotativo nem permanente se estiverem livres.

Como o motorista deve se adaptar

Bom, até aqui você já viu o que é um táxi acessível e o que diz o Estatuto do Idoso sobre isso. Então, chegou a hora de entender como o motorista pode se adaptar para receber melhor este público.

Em primeiro lugar, o veículo deve estar em completa situação de segurança. Isto serve para todos, não somente para os idosos. Além disso, depois, no próprio carro pode haver melhorias, de modo a torná-lo mais acessível e preparado.

Se o passageiro possui redução de mobilidade, por exemplo, pode até ser exigido o uso de rampa e treinamento ao motorista. Por isso, é importante não chamar qualquer um, mas sim dar valor àqueles que melhor podem atender você.

Por fim, é importante compreender que o motorista não deve deixar o veículo, a não ser para auxiliar no embarque e no desembarque. Isto é recomendado para garantir a segurança de todos.

É importante que, se você ou seu familiar idoso tem redução de mobilidade, alguém o acompanhe na viagem. Isto pode ser feito, por exemplo, por um cuidador ou por um membro da família.

O benefício dos táxis para idosos

táxi acessível

Portanto, para finalizar, qual será o benefício de um táxi acessível para idosos? Assim, como foi possível observar até aqui, existem características próprias desse público, e que merecem atenção.

  • O taxista deve ser preparado, de preferência com treinamentos para isto e experiência, ao contrário do que acontece em alguns aplicativos
  • O táxi deve ter elementos de acessibilidade
  • Para o embarque e desembarque em estacionamentos, podem ser utilizadas as vagas reservadas por lei
  • Os taxistas não podem rejeitar a sua chamada

E então, gostou de saber a utilidade de um táxi acessível para idosos? Então compartilhe este post e deixe seus comentários! Além disso, venha conhecer mais sobre a Rádio Taxi Vermelho e Branco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Powered by